Dependência Química | Causas | Sintomas | Tratamentos

O que é a dependência química?

 

O termo científico para a dependência química é: um conjunto de comportamentos fisiológicos e cognitivos que ocorrem depois da introdução repetida no organismo de determinadas substâncias.

A definição popular de dependência química é: quando alguma pessoa ganha vicio, ou o organismo pede para introduzir certos compostos no corpo, já que se não o fizer cria alterações a nível físico e psicológico.

Normalmente os casos mais graves deste problema têm de ser tratados em alguma clínica para dependentes químicos.

Tipos de dependência química

Existem  2 tipos de dependências químicas:

  • Dependência química de substâncias psicoativas especificas: é quando a pessoa é dependente de uma substância em especifico, por exemplo, dependencia do álcool, drogas, tabaco, etc;
  • Dependência química a toda uma categoria de substâncias psicoativas: como acontece com as substâncias opiáceas ou a fármacos.

 

Causas da Dependência Química

A dependência química é um problema multifactorial, isso quer dizer que podem existir diversas causas  para que um individuo fique  viciado ou dependente de alguma substância, as causas podem ser diferentes de pessoa para pessoa. Vejamos alguns factores que podem contribuir para a dependência química:

Factor Saúde

É quando uma pessoa esta a tomar medicação para algum problema de saúde e depois quando tenta parar a medicação volta os sintomas de doença. Isto é muito comum em casos de insónias, muitas pessoas não conseguem parar de tomar medicação para conseguir dormir. Se param a medicação simplesmente não dormem.

Factor Social 

As companhias ou amizades, a educação dada pelos pais e a sociedade em que vivemos são um dos factores que mais influenciam. Por exemplo filho de fumador tem 10 vezes mais  probabilidades de ser fumador, já que para ele é uma coisa normal já que os pais também fumam.

Dependente químico

Dependência química

Factor Ambiental

Não muito divulgada, mas existe pessoas que estão dependentes do meio ambiente que os rodeia. Com certeza que conhece alguma pessoa que não gosta de ir à praia ou de ir ao campo, gosta é mesmo de estar na cidade. Quase com certeza que essa pessoa é dependente do ambiente poluído das grandes cidades, não se esqueça que nas grandes cidades existem uma quantidade enorme de toxinas no ar. Quando saem das cidades normalmente queixam-se de dores de cabeça ou mau estar geral.

Factor Genético

Normalmente acontece na dependência química ao álcool. Um estudo realizado  demonstrou que existem factores genéticos que levam ao indivíduo a consumir álcool de forma excessiva. No genoma humano existem alguns genes que estão envolvidos no metabolismo do álcool, algumas pessoas têm esses genes activos e outros têm desactivados.

Factor Hereditário

Filhos de alcoólicos têm 4 vezes mais probabilidades de ser alcoólicos. Se os pais tem o problema genético, anteriormente explicado, é muito provável que transmitam esse gene aos filhos.

 

Sintomas de Dependência química

Existem vários sintomas dependência química que podem ser facilmente identificados, entre eles:

  • Perda do controlo;
  • Desejo de ingerir ou utilizar certa substância;
  • A quantidade necessária da substância vai aumentando com o tempo;
  • A abstenção provoca tremores no corpo;
  • A abstenção provoca sudorese;
  • Quando o individuo se encontra sob o efeito da substância a que é dependente, geralmente apresenta muita ansiedade;

 

Tratamento de Dependência química

O tratamento normalmente é feito numa clínica para dependentes de drogas, clínica para alcoólicos ou clínica para dependentes químicos em geral. Cada clínica tem o seu tratamento especifico, eles estudam o caso para depois propor o tratamento que seja mais adequado as características da pessoa em questão.

A avaliação do doente vai ser feita por diversos especialistas e eles vão estudar os problemas de ordem física, interpessoal e emocional para poderem recomendar o melhor tipo de ajuda. O doente vai ser avaliado por psiquiatras, psicólogos, terapeutas ocupacionais, enfermeiros, assistentes sociais e educadores físicos. Todos estes profissionais de saúde são essenciais para um correto tratamento da dependencia química.

Deixe seu comentário

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.